sábado, fevereiro 29, 2020

Visitas +


Australia

Estados Unidos

Alemanha

Países Baixos

Portugal

Reino Unido

Rússia

Suíça

França

Áustria



sexta-feira, fevereiro 28, 2020

They Must Be Crazy ao vivo em Lisboa


Dia 20 de Março de 2020, a Culturgest - Fundação CGD vai tornar-se no "Shrine" do afrobeat Lisboeta, a cargo dos They Must Be Crazy (TMBC).
Os TMBC são uma banda composta por 12 portugueses que habitam as periferias de Lisboa. Nasceu em 2014 com vontade de fazer afrobeat, e em 2016 trouxe ao mundo o primeiro disco, "Mother Nature". 5 anos após do seu início, nunca a banda se questionou tanto quanto agora sobre o que é, afinal, o afrobeat.
Literalmente loucos com a questão, compreenderam entretanto que mais do que qualquer estética que possa caracterizar a música que querem fazer, é na intenção de servir causas maiores e de intervir política e socialmente que reside a vontade em fazerem música juntos.
Música que faça  levantar e mexer o corpo com toda a convicção e soltura, o que só por si representa um acto cada vez mais político nos dias que correm, especialmente para a cultura ocidental. Música para o corpo e para a comunhão, que enlouqueça as pessoas de alegria e êxtase ao ponto de as fazer sair um pouco da cabeça e reconectar com o espírito, para depois voltarem à vida com novas formas de visão e mais força de vontade para a mudança.
EXPENSIVE WATER
20/3/2020 @ CULTURGEST
21H30 > 23H30
10€
Link Bilhete:
https://ticketline.sapo.pt/evento/-expensivewater-mati-yakatayka-49118
[parte do lucro das entradas irá reverter para a Youth Organization for Building African Community - YOBAC, ONG nascida em Kyangwali, Uganda, que hoje conta já com o apoio de delegações na Nigéria e na R.D. do Congo, com vista a angariar fundos através da música, agricultura e costura, para facultar o acesso à educação a jovens refugiados da guerra e órfãos.] 

Fado Ao Centro ao vivo nos Paises Baixos e Alemanha, Canada e Romenia

FADO AO CENTRO APRESENTA-SE NA HOLANDA PELA DÉCIMA VEZ DESDE 2013

A World Tour de 2020 do grupo Fado ao Centro inicia-se este mês de fevereiro, na Holanda, como tem sido habitual nos últimos anos. O espetáculo “De Coimbra com Amor” continua a chamar às salas holandesas, tanto um público fiel, como também novos entusiastas do Fado de Coimbra.

Na bagagem, o grupo Fado ao Centro leva a voz de João Farinha, as guitarras de Luís Barroso e Hugo Gamboias e a viola de Luís Carlos Santos. As apresentações terão lugar já nos próximos dias 28 em Hellevoetsluis e dias 29 em  Amesterdão, na Kerk aan de Ring e na Engelsekerk respectivamente.
O mês de março assinala também o regresso do grupo à Alemanha, com espetáculos nas cidades de Leipizig, Berlim, Hannover e Hamburgo e contará com os mesmos músicos da digressão anterior na Holanda.

A World Tour deste ano contará ainda com espetáculos em Espanha, Canadá e Roménia - uma estreia do Fado ao Centro no prestigiado Festival Internacional de Teatro de Sibiu.

 O Fado Ao Centro, continua o seu trabalho de promoção do Fado de Coimbra, com concertos 
· Todas as Terças-Feiras, às 22h, na Cervejaria Praxis, Coimbra ;
. O espetáculo diário de Fado de Coimbra, sempre às 18H00, na rua do Quebra Costas (com reserva aconselhada para os contactos 239 837 060 | 239 405 105 | 913 236 725 | 918 651 595 | )

               

João Granola - Novo álbum a partir de hoje nas plataformas habituais

 


Hoje, dia 28 de fevereiro marca a edição do álbum Os moderados do cantautor nacional João Granola.

Um disco elaborado e gravado com todo o cuidado e dedicação como se se tratasse de um artefacto único, precioso e delicado. Pensando bem, é mesmo isso que Os moderados é "a reflexão sobre o movimento de massas interessa-me. Sempre me interessou. O tema deste álbum é algo a que eu não podia fugir, já que ele me ocupa tanto tempo de pensamento. Todas as canções foram escritas com este tema como âncora, embora alguns sejam de espectros opostos do (meu) entendimento. Gravei as demos em casa, onde as evolui e decorei com arranjos. Depois chamei os meus amigos músicos e fomos gravar o álbum para os Black Sheep Studios, em Sintra", nas palavras de João Granola.

Curiosamente, ao contrário do que poderíamos pensar, a inspiração de João Granola para Os moderados, ou até mesmo para toda a sua música, não vem apenas da música. Aliás, "penso que as minhas principais influências são fora do meio musical. Sou muito permeável! A minha mulher e a minha irmã mais velha que me mostram tantas coisas nas artes plásticas e no cinema; amigos que me inspiram pela forma como analisam as diversas camadas do nosso contexto social, artistas plásticos da nossa geração como Tiago Alexandre, Dalmeida e Silva, Fernão Cruz, Horácio Frutuoso, etc. Na música também, claro. A elegância de Nick Cave, a precisão de Sérgio Godinho, a maravilhosa complexidade sónica de Wilco, a excentricidade de Devendra, a ironia de Father John Misty...tudo isso me fica na pele."

O novo single de Os moderados é o tema Uma qualquer razão já disponível nas plataformas digitais.

João Granola (nome artístico de João Machado) surgiu num bar, numa viagem a Copenhaga.

 



quinta-feira, fevereiro 27, 2020

Lika - Novo single

 

BEM VINDOS AO MUNDO DA LIKA!
A CANTAUTORA, GUITARRISTA DO CAZAQUISTÃO QUE SE APAIXONOU POR PORTUGAL
LIKA é uma cantora, guitarrista e compositora internacional com origens no Cazaquistão e com a carreira sediada em Portugal. Acaba de lançar o seu primeiro álbum de originais - 𝘽𝘼𝘾𝙆 𝙏𝙊 𝙕𝙀𝙍Ø, misturado no LAFX e masterizado no Golden Mastering, que são alguns dos melhores estúdios de Hollywood / Los Angeles.

A sonoridade de LIKA é uma fusão de Groove, Pop com influências de rock, jazz ou até do funk dos anos 70. A sua música é cantada principalmente em inglês e tem conquistado a atenção de pessoas de todo o mundo, com milhares de ouvintes em todos os continentes.

O primeiro single é o tema “Thousand” que combina uma melodia Pop que fala de emoções e onde o solo de guitarra elétrica de LIKA se destaca.

BIOGRAFIA
Foi no Cazaquistão que aos 11 anos começou a sua verdadeira paixão pela música quando o seu tio lhe ensinou o estranho e apaixonante Fá Sustenido, o primeiro dos muitos acordes que aprendeu e que logo encontrou na primeira música que tocou, o "Fool on the Hill" dos The Beatles. Logo depois sonhou ser música profissional e entrou na Escola de Música N54 em Almaty (Cazaquistão) e onde estudou Viola Clássica durante 4 anos e aos 14 anos criou a sua primeira banda de rock só de originais.

Apesar de ter terminado a Universidade de Economia, a música era a sua verdadeira paixão e decidiu entrar para o Tchaikovsky Almaty Music College.
Durante os estudos musicais participou em muitos festivais e concursos musicais. Depois de terminar os estudos, trabalhou como professora numa Escola de Jazz de Almaty, criou a sua banda de originais e fizeram digressões nacionais e internacionais.

Em Setembro de 2015 decidiu que seria o momento para sair da zona de conforto e explorar novas sonoridades, latitudes e paixões. Numa casual viagem a Portugal, conheceu músicos portugueses que a desafiaram a ficar em terras lusas e estudar música no Hot Club. No início o plano era para ficar apenas alguns meses, mas rapidamente a paixão pela música passou a ser acompanhada pela paixão pelos Jacarandás, por Lisboa e por Portugal. Estes arranjos fizeram com que a sua inspiração passasse a ter melodias compostas por diversos sabores e tons, onde os seus originais são cantados em inglês, português, russo ou cazaque.

“Acompanha-me neste Refrão” Lika 🖤



Alice - O Musical - em Coimbra

No dia 7 e 8  de Março, em Santo Varão, no Centro Beira Mondego (Coimbra), irá realizar-se um teatro intitulado “Alice - O Musical” com interpretação em Língua Gestual Portuguesa, a fim de incluir  também a Comunidade Surda e promover acessibilidade, destinando se também às suas famílias e amigos, e todo o publico em geral  para que todos possam usufruir de um momento cultural e divertido. 

Alice, O Musical é uma adaptação das mais conhecidas obras de Lewis Carrol que celebram 155 anos: “As Aventuras de Alice no País das Maravilhas” e “Alice do outro Lado do espelho”.​
A famosa história de Alice, uma menina curiosa que segue um Coelho Branco e a leva a ser transportada para um lugar fantástico povoado de seres inusitados, chega com uma nova essência e interpretação em Alice, O Musical.​
Mas será esta Alice, a Alice certa? ​
A protagonista reencontra o gato sorridente, a Rainha Vermelha, a Rainha Branca, o Chapeleiro Louco, a lebre de Março, a Lagarta Azul, entre outras personagens que lhe apresentam enigmas e estimulam o questionamento e a reflexão sobre a sua própria existência e sobre o seu verdadeiro "eu". ​
Entre aventuras e desventuras neste universo inesperado, onde não há limites entre o sonho e a realidade, Alice relembra o valor da amizade, reflete sobre o tempo certo ou incerto das coisas da vida e aprende que para chegar ao impossível, basta acreditar que é possível. Conseguirá Alice salvar o País das Maravilhas? ​
Será que tudo não passou de um sonho?​
Alice – O Musical é uma alucinante viagem, por um mundo nada óbvio, em que a imaginação e o real combinam-se de maneira única e inesquecível! ​
Sessão de estreia com interpretação em Língua Gestual Portuguesa!​




"Paper plane" - Status Quo


Visitas +


Canadá

Estados Unidos

Alemanha

Países Baixos

Portugal

Reino Unido

Rússia

Suíça

Áustria

França 
 
 

terça-feira, fevereiro 25, 2020

A Rainha da Neve - Musical de Filipe Lá Féria

A RAINHA DA NEVE - O Musical é um original de Filipe La Féria a partir do célebre conto de Hans Christian Andersen,
 obra-prima da literatura para a Infância e Juventude. La Féria transformou-o num Musical em que articula o Teatro, a Música e a Dança. 
Fabulosos cenários, um maravilhoso guarda-roupa e as mais sofisticadas tecnologias de vídeo completam este maravilhoso
espetáculo, numa encenação mágica e de alta qualidade artística, com a assinatura de Filipe La Féria.

INFORMAÇÕES GERAIS DO ESPETÁCULO
Espetáculos para escolas
De terça a sexta-feira às 11h00 e às 14h00

Espetáculos para famílias
Sábado e Domingo às 15h00

Preços
Plateia/1ª Tribuna – 15€
2ª Tribuna – 12,50€
1º Balcão – 10€
Camarotes – 12,50€ p/pessoa

Faixa Etária
A partir dos 3 anos

Final da Temporada
Junho de 2020

Duração do Espetáculo
Aproximadamente 60 minutos

Reservas e Informações
Escolas: escolas@filipelaferia.pt - 213 405 700
Grupos, Festas de Aniversário e Festas de Natal: politeama@filipelaferia.pt – 213 405 700
Reservas Gerais:www.politeama.bol.pt - 213 405 700




"Video Maria" - GNR


Visitas +


Estados Unidos

Canadá

Alemanha

Países Baixos

Reino Unido

Portugal

Rússia

França

Suíça

Áustria  
 
 

Semana cultural "Convergências"

A relação entre Portugal e a Galiza é o denominador comum da 4ª edição da Semana Cultural Convergências, realizada nos dois lados da fronteira entre os dias 18 e 25 de fevereiro. Em Portugal, a iniciativa acontece em Braga, onde há uma mão cheia de eventos em vários locais da cidade. O primeiro está marcado para dia 20 (terça-feira) na Biblioteca Lúcio Craveiro Lopes, que acolhe um tertúlia, vários momentos de música e poesia e a apresentação do livro “Galegos no Minho”, No dia seguinte, quarta-feira, é a vez do Auditório Conservatório Bonfim servir de palco a um concerto com Olma e José Pereira Castro, enquanto no dia 22 há mais um colóquio, desta vez no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Minho.

Um dos pontos altos do programa está marcado para dia 23, altura em que o Theatro Circo acolhe um concerto de tributo a Zeca Afonso, interpretado por Primo Convexo, Uxia João Afonso e Canto D´Aqui. O espetáculo, com início às 21h30, tem bilhetes a 12,5€. O programa em Portugal encerra no dia 24 com um espetáculo de teatro, dança e música, intitulado “Voa”, no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga.
 

segunda-feira, fevereiro 24, 2020

"Sunday" - Vasco Moreira Gritali

 




Eduardo Branco - Novo album + agenda

EDUARDO BRANCO
apresenta álbum “97”
Eduardo Branco editou álbum de estreia, “97”, no dia 21 de Fevereiro.
Depois de revelados os singles “Sorrir” e “Solidão”, o compositor, guitarrista, produtor e letrista conimbricense apresenta agora o novo trabalho, que sucede ao EP, "Ilusão", editado em 2018.

Eduardo Branco descreve a sua sonoridade como uma tentativa de “misturar o
mainstream do pop com a força e intensidade do blues e rock. Caracteriza-se como sendo um estilo Pop/Rock moderno, mas com traços do Pop/Rock dos anos 80 e 90.
Pegando e várias influências desde Eric Clapton a Rui Veloso, e BB King a John
Mayer. O meu estilo também apresenta características de Soul e R&B, presentes em alguns temas ao longo do álbum”.

    Tour "97"
    28 Fevereiro (sexta), 19h30 - FNAC Colombo, Lisboa
    25 Março (quarta), 21h30 - Casa da Musica, Porto
    2 Abril (quinta), 21h30 - Centro Cultural D.Dinis / Festival Santos da Casa
    10 Abril (sexta), 18h30 - FNAC Cascais, Lisboa
    29 Maio (sexta), 21h30 - Ler Devagar/LX Factory, Lisboa


https://youtube.com/watch?v=PSq_P2e7F4o&index=11&list=OLAK5uy_nLwCaTXpdHiPVxENicCtY4dywI7_DathU




Agenda do Sabotage Club

CARNAVAL NADA BANAL: Tiago Castro + Lena Huracán + Nuno Rabino
segunda, 24 Fev | 6€ com duas imperiais | ver +

Três DJs de universos diferentes na música eléctrica:
Tiago Castro é uma das caras da SBSR.FM e quando não está ao comando do seu projeto Acid Acid, está numa cabine a disparar as pérolas mais festivas do Rock e da Pop; Lena Huracán é a instrumentista nas Clementine e Shaolin Soccer Band e o feminismo da cena Riot Grrrl corre-lhe no sangue desde as suas bandas paulistas; Nuno Rabino é o nosso tirsense da casa que tem no Blues a génese da maioria das escolhas.



CACHUPA PSICADÉLICA
quinta, 27 Fev | 6€ | ver +

Nascido e criado em Mindelo, na ilha de São Vicente em Cabo Verde, Lula's foi criança nos anos 80 e apaixonou-se pelo rock de Seattle na adolescência, num Mindelo de "rockeiros latinos". Um dia, sem se dar conta, acabou a estudar nas Caldas da Rainha e, depois de ter passado por diversos projetos musicais, encontrou-se na encruzilhada da sua CACHUPA PSICADÉLICA:
"Música para fazer fotossíntese. Música das entranhas de Cabo Verde, nação cultural".
POMBA PARDAL (2019) é o nome do novo disco, lançado 4 anos depois da estreia discográfica com Último Caboverdiano Triste em 2015 e depois de Cachupa Psicadélica ter sido nomeado para artista musical do ano nos prémios “Somos Cabo Verde – Melhores do Ano” em 2017 e de ter colaborado com nomes como Branko (Buraka Som Sistema), Cristina Branco, Mayra Andrade, Octa Push e Throes + the Shine.
CLUBBING: Nuno Rabino



THE DIRTY COAL TRAIN + THEE O.B'S + THE EMA THOMAS + CASAL VENTOSO
sexta, 28 Fev | 6€ | ver +

THE DIRTY COAL TRAIN são um power trio de instrumentos amaldiçoados que debitam decibéis de inspiração no DIY do punk, no garage dos 60 e no cinema de série B onde coabitam com monstros, vampiros, psicopatas, ovnis e demais parafernália.
Depois de cinco álbuns, uma compilação, splits com outras bandas e cinco singles promovidos com datas pela Europa e América do Sul, a banda continua a sua tour de promoção a “Primitive” disco que marca o regresso à produção rock mais crua e imediata depois da aventura sonora de “Portuguese Freakshow”.
Ninguém sabe quem são os THEE O.B.'s. A sua forma humana é desinteressante, a música chateia quem não goste de punk-rock-mal-tocado-com-pretensão-a-ser-blues e não me façam falar da sua higiene pessoal. Sim, da sua.
THE EMA THOMAS dividiu-se em dois corpos independentes - menos mortífera mas com sede e ganas de animal. Apresentam-se petulantes, mas ocultam-se na música, na imagem, nos trajes, na atmosfera que trazem, absorvem todo o espaço e despertam demónios adormecidos. A imagem que representam desafia os limites da sexualidade, com uma meticulosa selecção musical para fazer vibrar o público, a sua interacção implica arremesso dos mais variados objectos.
CASAL VENTOSO são deuses do Techno, amantes do leitão e dos edulcorantes.
Não perguntes o que é o teu país pode fazer por ti. Pergunta antes o que é que o Casal Ventoso tem a ver com isso.
CLUBBING: Nuno Rabino



BRRexit - Barreiro Party Fiesta Tour
com THE BROOMS + CONAN CASTRO + LISBON SOUTH BAY FREAKS + SAD PUTO

sábado, 29 Fev | 6€ | ver +

"BRRexit” é o nome de um projeto musical nascido no Barreiro e liderado por três bandas locais: The Brooms, Lisbon South Bay Freaks e Conan Castro and The Moonshine Piñatas.
O objetivo primordial passa pela divulgação das propostas musicais emergentes de uma cidade que sempre se caracterizou por uma musicalidade própria enquanto centro criativo de diferentes projetos e eventos musicais ligados ao garage-rock. O “BRRexit” apresenta-se assim como uma iniciativa coletiva de dinamização cultural com o intuito de dar a conhecer, através de atuações musicais ao vivo por todo o país, a cena independente do rock made in Barreiro.
CLUBBING: A Boy Named Sue



http://www.sabotage.pt/





Roger Hodgson (Supertramp) ao vivo no Coliseu de Lisboa


Dia 19 setembro 2020



https://www.bol.pt/Comprar/Bilhetes/83110-supertramp_s_roger_hodgson_ticket_meet_greet-coliseu_de_lisboa/



Charles M.Mailer @The Studio Lounge


Visitas +


Estados Unidos

Alemanha

Países Baixos

Reino Unido

Argentina

Rússia

Portugal

Suíça

França

Áustria