domingo, abril 09, 2017

Daniel ao vivo em Portugal

Músico apresenta disco em Portugal nos dias 1, 3 e 4 de maio, no Coliseu do Porto, Casino da Figueira e Coliseu de Lisboa, respetivamente.
Com mais de 30 anos de carreira de sucesso no Brasil, dedicados essencialmente à música sertaneja, o cantor Daniel está agora de volta com um novo álbum de originais, intitulado “Daniel” e que chegou às lojas portuguesas no passado dia 24 de março. O disco sucede a “Daniel in concert em Brotas”, que assinalou a estreia do artista brasileiro na Universal Music.
“Daniel” é o primeiro disco do músico produzido por Dudu Borges, nome por trás dos grandes sucessos da atual música sertaneja. O álbum é apresentado pelo single “Inevitalmente”, composto por Cesar Lemos, Edu Valim e Renan Valim, que dá pistas da nova sonoridade abraçada por Daniel, cada vez mais pop e moderno, mas não menos romântico. O vídeo oficial ultrapassou o 1 milhão de visualizações no YouTube em apenas duas semanas desde o lançamento.
Neste álbum, Daniel contou ainda com a colaboração dos compositores Peninha e Elias Moniz, colaboradores de longa data do cantor brasileiro, com quem criou vários sucessos ao longo de todo o seu percurso musical. 
“Não é clichê dizer que cada álbum nasce de maneira diferente do outro porque, depois de tantos discos e DVDs lançados, senti novamente aquele friozinho na barriga ao cantar músicas inéditas ao vivo. Uma experiência muito diferente para mim começou a ser desenhada quando escolhemos o Dudu Borges para produzir este projeto, e não posso deixar de agradecer a dedicação e o carinho dele, além do profissionalismo que demonstrou desde o início”, afirma Daniel.
“Discurso ensaiado”, “Adoro amar você”, “Direção do vento”, “Prova de fogo”, “Amores seletivos”, “Golpe baixo” ou “Grama do quintal” são alguns das canções que se destacam deste novo álbum de estúdio de Daniel e espelham a renovação da sonoridade que este disco protagoniza.
O músico apresentará este álbum em Portugal, tendo já concertos marcados para os dias 1 de maio – no Coliseu do Porto –, 3 de maio – no Casino da Figueira –, e 4 de maio – no Coliseu de Lisboa.

Sem comentários: