quinta-feira, dezembro 10, 2009

“TRÊS CANTOS AO VIVO” É DISCO DE OURO


Poucos dias após a sua edição, “Três Cantos Ao Vivo” – o registo do aclamado projecto que reúne José Mário Branco, Sérgio Godinho e Fausto Bordalo Dias – atinge o galardão de ouro, por vendas superiores a 10 000 unidades.



Com data de edição inicialmente agendada para 07 de Dezembro, “Três Cantos Ao Vivo” acabou, perante tanta expectativa, por estar à venda em muitas lojas a partir de 04 de Dezembro (Sexta-feira passada). O disco teve ainda uma entrada fulgurante para o 6º lugar do top nacional de vendas.



A procura que “Três Cantos Ao Vivo” tem tido nestes primeiros dias são o prolongamento do sucesso dos concertos realizados no fim de Outubro em Lisboa e no Porto – quatro datas esgotadas: duas no Campo Pequeno e outras tantas no Coliseu do Porto.



Relembre-se que “Três Cantos Ao Vivo” está disponível em duas edições – edição especial limitada e edição normal.

A primeira contém um livro com 44 páginas (com fotos dos ensaios e dos concertos e um texto principal, da autoria de Nuno Pacheco, que relata o nascimento do projecto e o que se passou em palco nas quatro datas), 2 CDs com o registo áudio do espectáculo e 2 DVDs – o DVD1 com o filme do concerto e o DVD2 com o documentário “Faz Tudo Parte”. Realizado por André Godinho, este documentário regista o trajecto vivido por estes três músicos e o processo de trabalho do “Três Cantos” desde os ensaios até ao momento da subida a palco.

A edição normal contém o registo áudio (2 CDs) dos espectáculos do Campo Pequeno.



Em ambas as edições poderemos encontrar, além de temas emblemáticos como “Mudam-se Os Tempos, Mudam-se As Vontades”, “Rosalinda, “Que Força É Essa” ou “O Charlatão”, o tema inédito “Faz Parte (o retorno das audácias)” que compuseram propositadamente para estes espectáculos.

Sem comentários: